O histórico Oscar de 2017


Do que era para ser mais uma noite de gala se tornou uma cerimônia histórica. A 89ª edição do Oscar que teve a pluralidade se destacando na maioria das listas de indicados, a noite de surpresas se quando Esquadrão Suicida recebeu a estatueta na categoria de melhor maquiagem, outra obra voltada para o público Nerd que ganhou uma estatueta foi Animais Fantásticos e onde habitam, que ganhou na categoria melhor figurino se tornando o primeiro filme do universo Harry Potter a ganhar uma estatueta do Oscar.

Viola Davis



Os discursos destacaram nesta edição do Oscar sendo um dos mais emocionantes  o da atriz Viola Davis vencedora do Oscar de atriz coadjuvante, por “Um Limite Entre Nós” que disse:"   “Tornei-me uma artista, e graças a Deus me tornei, porque é a única profissão que celebra o que realmente significa viver a vida. Desenterrar essas histórias. As histórias de pessoas que sonharam grande e nunca puderam usufruir dos seus sonhos”.





Outro destaque da noite foram os discursos políticos sendo direcionado principalmente na política de imigração do presidente americano Donald Trump onde artistas se manifestaram contra as declarações e as ações do presidente. Dentre eles o diretor iraniano Asghar Farhadi vencedor de inúmeros prêmios incluindo o Oscar de Melhor Filme em língua Estrangeira de 2017 Com o filme “o apartamento” disse por meio de uma representante: “Estou ausente em respeito às pessoas do meu país e de outras seis nações que foram desrespeitadas pela lei desumana que barra a entrada de imigrantes nos EUA”
Asghar Farhadi, diretor iraniano
Em reflexo da diversidade da lista de indicados os artistas negros se destacaram na premiação  sendo a primeira vez, que em uma única categoria do Oscar dedicada ao trabalho de atores, a de Melhor Atriz Coadjuvante, contou com três pessoas negras entre cinco indicações, As atrizes Viola Davis ganhadora do Oscar, por sua performance em “Um Limite Entre Nós”, além das atrizes  Naomie Harris de “Moonlight: Sob a Luz do Luar” e Octavia Spencer de “Estrelas Além do Tempo. Concorriam ao prêmio. Além disto temos Mahershala Ali ganhador melhor ator coadjuvante.

Mahershala Ali
Damien Chazelle, diretor de La La Land
O recordista de indicações La La Land acabou levando seis estatuetas para casa incluindo a de melhor atriz para Emma Stone e melhor diretor para Damien Chazelle de 32 anos, tornando ele o mais jovem a ganhar nesta categoria além de Casey Affleck “Manchester à Beira Mar” superando os favoritos Denzel Washington “Um Limite Entre Nós” e Ryan Gosling “La La Land” levando o premio de melhor ator. Coroando está noite histórica no momento do anúncio do prêmio principal da noite o de melhor filme aconteceu a maior gafe da história do Oscar, anunciaram erroneamente La La Land como vencedor da categoria, e só depois da equipe de La La Land já estar no palco e que resolveram a confusão anunciando o verdadeiro vencedor Moonlight: sob a luz do luar.
Assista o momento da confusão: 

Essa edição do Oscar será lembrada daqui alguns anos talvez por sua diversidade, talvez por seus discursos emocionantes e os políticos ou talvez por causa da confusão na hora da entrega do prêmio de melhor filme mais com certeza a 89ª Edição do Oscar será lembrada.

0 comentários:

Google+ Badge

Tecnologia do Blogger.

Comment